Fim de Semestre

Por Rafael Veloso

O meu primeiro semestre na faculdade está chegando ao fim. Quando eu li um mensagem de Marcela Oliva, em seu blog, falando que o período acadêmico estava passando rápido, mais rápido do que ela imaginava, não pensei que fosse compartilhar do mesmo pensamento.

Ao findar o primeiro semestre do curso de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, na Faculdade Integrada da Bahia (FIB), posso dizer que foi muito pouco tempo para desfrutar da companhia de muitas pessoas bacanas. Quero aqui agradecer e citar todos vocês que fizeram o primeiro semestre de 2003 ficar com um gostinho de quero mais.

Obrigado…
Aos mestres com carinho:
Tattiana Teixeira – Por abrir as portas de sua pequena sala, para ouvir as nossas lamúrias e ri com nossas bobagens (se estivesse no Ferry Boat!). E assim, abrindo também seu coração generoso e sua alma sensível que consegue captar quando estamos tristes e precisamos de um apoio moral.
Mônica Celestino – A “pessoa” que me conquistou sem ao menos querer. Ela jura que esse amor acabará com as primeiras notas do terceiro semestre. Será???
Antonio Brotas – Por sua calma e por ter me dito que “tudo no final dará certo. Se não esta certo agora, é porque o final não chegou”.
Agnes Mariano – Pelos conselhos, ensinamentos, experiência de vida, boa vontade. E vamos nos encontrar por ai, porque o ArBahia vai sair!
Silvio Benevides – Por dar aquele imporãozinho quando você está na bera do precipício. Acho que ele não vai lembrar do dia que perguntei o que seria pior: “me atirar pela janela da sala ou me jogar na frente do primeiro carro que passasse”. Vê se mão me prende até o final no próximo semestre, porque férias é bom e ou adoro! Prova final, fala sério!
Rita Maia – A professora seqüeladinha do meu coração. Tá me devendo um cinema com Fuad.
André Ricardo – Porque ninguém sabe prometer e não cumprir como ele. Se não fosse professor de Informática poderia ser político.
Patrícia Moraes – Por ter me apresentado a essência da árvore de Adriano Duarte Rodrigues e o ilustre Pierre Lévy. Sentirei sua falta!
Marinyze Prates – Porque só com a senhora, eu fiquei a vontade para tirar minhas dúvidas de português e por ter me apresentado algumas das campanhas publicitárias de Toscani, para a Benetton. Saiba que esta fazendo falta.
João Edson – Porque não é João de Deus, viu Camilla. E por nos incentivar a abrimos mais nossos universos culturais. Vamos ao cinema e ao teatro!
As agregadas:
Milene Rios – Porque com raras exceções, é a única garota do 3° semestre a me conhecer e ser muito legal. O almoço da sexta ainda tá de pé, é só marcar!
Macela Oliva – Porque é a minha “sereia” preferida e eu sou sua “minhoquinha” em estágio de evolução. Ainda ei de ser um “Golfinho”. No próximo semestre guarde um lugarzinho no estúdio, porque estarei colado nas gravações do telejornal de sua turma.
Aos meus colegas:

Silvia Rebeca – Você sabe porque é especial para mim e seria redundância falar aqui. É a menina-mulher mais levada na breca e centrada ao mesmo tempo, que já conheci.

Marilia Ramos (Lilãooo) – Minha panda de estimação. Te amo, mas “porra bróther” fique tranqüila que não vamos casar. Te cobrarei a amizade eterna que prometeste.
Olavo Coelho – Porque Babinha, ninguém é tão fundamental naquela sala como você. Praticamente “a azeitona na empada”. “Me crucifique”. Pense numa pessoa louca, pense, pense… Se eu pudesse lhe prometer alguma coisa: seria que nossa amizade ultrapassaria os murros da faculdade.
Rárison Cristiano – Tomate, vai me perdoando mais gravar seu nome todo é um exercício forte demais para minha memória (ou a vaga lembrança) que trago comigo. Prometo que no próximo semestre visitarei e comentarei, com mais freqüência seu blog.
Bruno – Porque ninguém tem um “olho azul” (celular) como o dele. Vê se faz a ¿vaquinha¿ para o jornal ter grana e revelar as fotos coloridas na próxima edição.
Caio Coutinho – Porque seu nome aparece em quase todo o jornal. É um rapaz polivalente: repórter, fotógrafo, entrevistado, etc… E ainda desistiu de fazer Direito.
Denilson, Diorgenes Xavier e Claudimário – Porque ninguém consegue conter os impulsos de Caio como vocês. Cláudio pega menos no pé de Irma e Thayana ou isso vai acabar em casamento. Denilson pára de malhar senão você não vai passar na porta.
Polyana Bittencourt – A menina-mulher mais meiga da faculdade. Ah se ela me desse bola…
Irma – Porque ninguém combina os cadarços do tênis com a roupa, como ela.
Camilla – Porque ninguém sabe pedir a ajudar de “Marcoooos” como você.
Tatinha – Porque ninguém se parece tanto com uma “Patrícinha” tendo algo de importante para falar como você.
Danuza – Por ser a promoter da sala e freqüentadora assídua do Rock in Rio. Essa ai vai longe no ramo de festas.
Ives Lopes – Porque o seu “Oi” é fashion como a dona. Só tem um defeito vivi me enviando correntes, através do e-mail. Ninguém merece.
Marilan Barreto – Porque ninguém sabe defender Victor como ela. “Victor é tudo!” (sic) Marilan Barreto, em momento “Declaração de Amor”. E porque ninguém tem um celular mais “Cult” que o dela. Hahahaha…
Sentirei saudades, mas te perturbarei a noite também! Não pense que vai se ver livre de mim assim tão fácil não!
Francine – Porque eu não entendo alguém que cursou o primeiro semestre de Jornalismo e resolveu retroceder para fazer Publicidade e Propaganda. Com essa eu apanho do pessoal de PP, na volta às aulas.
Juliana – Porque é o chame em pessoa. Por favor, reparem como essa deusa anda. Aliás, ela não anda, flutua.
Thaise – Porque ninguém fala “ôxente” como ela. Ê Juazeiro – terra de mulher bonita.
Patrícia Trigueiros – Porque ninguém manda tantos textos poéticos e é tão realista como ela.
Rafaela Ventura – Porque só ela conhece piadas sujas sobre astronautas. E se o “defunto” não reclamou o roubo das flores, tem justificativa: “Quem cala consente”.
Adriana – Porque é a loira de farmácia mais gata que conheço. Só falta me dar o número de seu telefone.
Evaristo – Por ser o “areiâ, areiâ…”.
Gabriel Berbert – Porque, segundo Lilão, é o “menino descabelado”.
Eduardo “Negão” – Porque ninguém mais olha para onde ele aponta só o curioso aqui.
Beatriz – Por ser essa “figura” e gostar tanto de Sandy & Junior (Tem gosto pra tudo!) hahaha….
Sônia – Por ser minha publicitária preferida ou seria arquiteta? Sou fã da sua dignidade e simplicidade.
Thayana – Porque ninguém é tão cheirosa como ela.
Ana Lúcia – Porque ninguém se parece com Shakira e Madonna ao mesmo tempo. Não sei como consegue manter aquela barriquinha sarada, bebendo tanto. E o seu sorriso contagiante. Autoria desconhecida não, é frase dela mesmo!
Vanessa – Por ser a mais nova solteira de Salvador ou será que já esta casada novamente? Pelos seus olhos verdes, pelas caronas ao ponto e por ter sido minha cobaia nos cafunés e massagens, que tanta fama fez entre as mulheres da sala.
Patrícia Costa – Por nossas conversas sobre o amor e sobre os seres humanos. E pelo show que você me deve.
Shirley – Pelas nossas conversas no ponto de ônibus, sendo sempre interrompidas por alguém ou pelo transporte coletivo de um dos dois. Pelo menos já sei onde fica Ilha de São João.
Laisa – Porque vive me dizendo que sou infiel, mas “Dan” ninguém merece. “Ser corno ou não ser?”.
Laila – Porque me disse que nos momentos tristes, cantasse: “Te amo Nataly / Não vivo sem você / Meu anjo querubim…” Não vamos para a Fiori juntos mais, né? Que pena. Venha nos visitar.
Quero agradecer a todos pelos bons momentos desse semestre em que estivemos juntos e dizer que conto com todos em 2003.2.
Recomendações: Tenham juízo durante as férias pero, no mucho, se for beber não dirija, transar só com camisinha, cuidados com os fogos… e o resto é por conta de vocês.
Dia 04 de agosto quero vê-los novamente. Então ficamos combinados assim.
Até breve!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *