Grupo Trapos e Cia apresenta o espetáculo “Lavando a roupa suja”

Foto: Carol Garcia/Divulgação

O espetáculo Lavando a roupa suja realiza curta temporada na Caixa Cultural (Carlos Gomes), dias 05, 06, 07 de março, às 20 horas, com entrada gratuita. A montagem do Grupo Trapos e Cia, sob direção de Kleber Sobrinho, apresenta Antônio Soares (Barrela, e Uma mulher vestida de sol) na pele da lavadeira analfabeta Raimunda do Espírito Santo.

De maneira humorada e satírica, a personagem abre o verbo e dialoga com o público sobre os inúmeros problemas enfrentados como agressões, discriminação e o machismo. “A violência contra a mulher, principalmente contra a mulher negra, continua forte. E o teatro também tem a função de abordar essas questões”, explica Soares que também assina o texto. Ele explica que Raimunda não entende a mulher como sexo frágil, por isso, através da luta diária busca transformar a realidade opressora.

A lavadeira adquiriu essa consciência através de sua patroa, uma mulher culta, que lhe relata histórias das brasileiras transgressoras que romperam com as convenções sociais como Xica da Silva, Maria Quitéria e Chiquinha Gonzaga; as que devotaram a vida para realizar o bem, a exemplo de Irmã Dulce e Mãe Menininha do Gantois; e estudou a história de Maria da Penha, que venceu a violência doméstica ao enfrentar o seu agressor e fez história ao lutar pela lei que leva o nome dela.

Para compor a personagem, o ator Kleber Sobrinho visitou os bairros populares da cidade com a finalidade de ouvir histórias, observar a maneira de falar e de se expressar de mulheres com perfis parecidos com o de Dona Margarida, assim, trouxe para o palco uma personagem com linguagem popular calcada nas vivências de muitas mulheres.

Serviço:

O quê: Lavando a roupa suja

Onde: Caixa Cultural (Av. Carlos Gomes)

Quando: 05, 06, 07/03 (sexta a domingo)

Horário: 20 horas

Classificação: 14 anos

Informações: (71) 3421-4200

www.caixa.gov.br/caixacultural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *