Broncas do Rafa – A Tarde decepciona ao lançar jornal “Massa!”

Por Rafael Veloso

capa_jornal_massa_19_10_2010
Mulheres semi-nuas estão sempre na capa do Massa! (Foto: Reprodução)

Foi lançado no dia 18 de outubro, Massa!. O tão aguardado jornal popular do Grupo A Tarde decepcionou quem esperava um produto de qualidade, principalmente por ter a chancela do mais antigo impresso da Bahia ainda em circulação, com 98 anos de tradição jornalística. Reportagem publicada no próprio A Tarde em 16 de outubro, afirmava que o foco do jornal seria: “informação de serviço, incentivo ao exercício da cidadania, além de destacar a diversidade cultural dos bairros populares  de Salvador”. O que, de fato, não pode ser visto nas primeiras semanas de circulação do jornal.

Todos os dias Massa! traz estampado na capa uma mulher com trajes sumários que mais faz lembrar “a boa da semana”, do extinto (graças a Deus!) jornal Bahia Notícias. Nas páginas internas o que se vê é muita poluição visual, principalmente nas páginas em preto e branco. O objetivo de proporcionar uma leitura leve passa longe, apesar do tamanho dos textos que, de tão curtos às vezes, não explicam nada. Quando a notícia se prolonga derrapa na tentativa de ser coloquial em uma linguagem chula ou até mesmo preconceituosa, como no texto: Gordas são tratadas como boi de rodeio (sic), publicado na edição do dia 28/10.

Textos preconceituosos e fotos machistas nas páginas do novo jornal do Grupo A Tarde (Foto: Reprodução)
Textos preconceituosos e fotos machistas nas páginas do novo jornal do Grupo A Tarde (Foto: Reprodução)

O site do jornal é outro erro a se comentar. No primeiro dia, parecia que não tinha ficado pronto a tempo, mas tinha de ir ao ar mesmo assim. Não traz nenhuma informação sobre a publicação, apenas algumas notícias do dia e muitas notas de agências, principalmente da Agência o Globo. A editora-coordenadora do Massa! é a carioca Ana Carolina Diniz (vinda do Expresso – Grupo O Globo). Voltado para as classes C e D – as que mais crescem no país, com rende média entre R$ 1 mil a R$ 4,9 mil -, Massa! tem 24 páginas coloridas e em preto e branco, no formado berliner. O jornal circula de segunda a sábado, ao preço de R$ 0,50, mesmo valor do seu concorrente, o Correio*.

Site do Massa!: pouca interatividade e muitas informações da Agência O Globo do Rio. (Foto: Reprodução)
Site do Massa!: pouca interatividade e muitas informações da Agência O Globo do Rio. (Foto: Reprodução)

Rafael Veloso

É editor do Site Rafael Veloso.com.br. Jornalista formado pelo Centro Universitário da Bahia – Estácio / FIB, em 2009. Tem experiência com produção de rádio e TV, passagem por veículos impressos e sites. Atua em assessoria de imprensa desde 2010.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *