Novo hospital dia amplia em 50% capacidade de atendimento da Holiste

Comemorando dois anos de atividade, o hospital dia da Holiste ganhou uma nova sede na Rua das Rosas, 658, no bairro da Pituba, em Salvador Read Full Report. O espaço será apresentado ao público no dia 11 de maio e é especializado em serviço de reabilitação e suporte psicossocial para pacientes com transtornos mentais. A nova sede ampliou em quase 50% a capacidade de atendimento oferecida pela unidade, atendendo a crescente demanda. No próximo semestre, a Holiste também irá inaugurar a sua nova clínica no bairro de Pituaçu.

O Holiste Dia conta com uma equipe multidisciplinar formada por psicólogos, terapeutas, enfermeiros e médicos. São mais de 15 profissionais em atividade, desenvolvendo atividades de reabilitação em saúde mental. A nova estrutura potencializou a realização das diversas atividades terapêuticas, como musicoterapia, informática, relaxamento, meditação, arteterapia, salão de beleza e expressão corporal. O atendimento acontece das 8 às 16 horas, de segunda a quinta-feira.

Dentre as novidades da nova estrutura destacam-se uma varanda com espaço para atividades de jardinagem e horticultura, uma nova enfermaria e um amplo refeitório com copa para, além de oferecer refeições, servir como espaço de atividades culinárias. Toda a estrutura foi pensada para contemplar pacientes com dificuldades de locomoção, contando com elevador e banheiros adaptados para este público.

Planejamento terapêutico  O tratamento em hospital dia é indicado para a reabilitação e suporte psicoemocional de pacientes com limitações funcionais e, consequentemente, com dificuldades de reinserção e readaptação ao ambiente sócio familiar. A frequência do atendimento em hospital dia varia conforme o caso e o momento de cada paciente, podendo ser diária, em dias alternados ou apenas uma vez por semana, em período integral ou meio turno.

O objetivo do tratamento é fazer com que o paciente se mantenha psiquicamente estabilizado, responsável pelo seu próprio bem estar e inserido em seu ambiente familiar e social. Tudo é elaborado para que ele ganhe a maior autonomia possível dentro de suas limitações.

“Os pacientes encaminhados ao hospital dia são aqueles que ainda necessitam de suporte e vínculo institucional, e nossa missão é prepará-los para que possam se tornar pessoas ativas e produtivas, capazes de cuidar de si mesmas, com ganhos em sua própria qualidade de vida e dos que estão ao seu redor”, explica o médico psiquiatra André Gordilho, um dos coordenadores do hospital dia da Holiste.

Para Sandra Simon, diretora técnica da Holiste, a participação da família nesse processo é essencial. “Os planos terapêuticos elaborados para cada paciente constroem uma ponte com a família, para que ela perceba que não está sozinha e que deve ter participação e responsabilidade durante o tratamento”, afirma.

Rafael Veloso

É editor do Site Rafael Veloso.com.br. Jornalista formado pelo Centro Universitário da Bahia – Estácio / FIB, em 2009. Tem experiência com produção de rádio e TV, passagem por veículos impressos e sites. Atua em assessoria de imprensa desde 2010.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *