Vacinação contra a Covid-19: mais 396 mil doses chegam à Bahia

Chegaram ao Aeroporto de Salvador, na manhã desta sexta-feira (16), mais 396 mil doses de vacinas contra a Covid-19. Deste total, 239 mil foram produzidas pela Fiocruz, em parceria com a Astrazeneca/Oxford e 157 mil pela parceria Butantan/Sinovac. Com esta nova carga a Bahia totaliza 3,670 milhões de doses recebidas, entre Coronavac e Oxford, desde o dia 18 de janeiro, quando chegou a primeira remessa. Este é o décimo terceiro envio que chega à Bahia. No dia 8 de abril, o estado havia recebido 281.400 doses de vacinas.

Segundo a coordenadora estadual de Imunização, Vânia Vanden Broucke, as vacinas foram imediatamente conferidas e separadas para todas as regionais de Saúde e também para todos os municípios da região metropolitana. “Quando as vacinas chegam nas regionais de Saúde, elas também são distribuídas para todos os seus municípios de abrangência, completando assim a entrega para os 417 municípios do estado da Bahia”, afirmou Vânia. Até esta sexta-feira (16), já foram imunizados com a primeira dose na Bahia 2.010.339 de pessoas.

Vacinação em Salvador

Das 396 mil doses que chegaram à Bahia, cerca de 45 mil doses ficaram em Salvador. A capital baiana prosseguirá com a campanha de imunização neste final de semana, inserindo públicos prioritários que ainda não tomaram a primeira aplicação. Neste sábado (17), entre 8h às 12h, serão vacinados idosos com 61 anos ou mais, nascidos entre 1º de janeiro e 17 de abril de 1960. À tarde, das 13h às 18h, serão imunizados cidadãos com 60 anos ou mais, nascidos entre 17 de abril e 17 de julho de 1960. No domingo (18), das 8h às 12h, a imunização volta a contemplar cidadãos com 60 anos ou mais, nascidos entre 18 de julho e 18 de outubro de 1960.   

Já na segunda (19), no turno da manhã, das 8h às 12h, poderão ser vacinados doulas e trabalhadores da saúde, policiais federais, militares, civis e rodoviários federais, bombeiros, guardas municipais e agentes da Transalvador com idade igual ou superior a 50 anos. A estratégia também alcançará pessoas com doenças renais crônicas e os idosos a partir de 60 anos, que não compareceram a um dos pontos de vacinação no final de semana. À tarde, das 13h às 21h, será a vez dos idosos com 60 anos ou mais, nascidos entre 19 de outubro de 1960 a 19 de janeiro de 1961, dentro do Corujão da Vacinação. 

Siga-nos e curta nossas postagens:
20
Pin Share20

Rafael Veloso

Jornalista formado pelo Centro Universitário da Bahia - Estácio em 2009. É editor-chefe do site Rafael Veloso.com.br desde 2003. Atuou com produção de programas de TV e rádio, tem experiência com web jornalismo e há 11 anos trabalha com Assessoria de Comunicação Interna e Externa. E-mail: contato@rafaelveloso.com.br.