Ruas de Salvador ganham mais quatro obras de arte do projeto MURAL

Quem passar pelas ruas do bairro do Comércio, antigo centro financeiro de Salvador, vai poder conferir novas obras de arte verticais do Projeto MURAL (Movimento Urbano de Arte Livre). Os quatro murais artísticos de grandes dimensões integram a segunda edição do projeto, que tem como tema Separado é Tudo Junto. O objetivo é, através da arte urbana, trazer leveza, reflexão e acolhimento principalmente neste momento de distanciamento social causado pelo pandemia da Covid-19. Foram os selecionados para a missão de criar os novos murais de 26 a 35 metros de altura, inspirados nesta temática, os artistas Anderson Santos, Stella Bosini (La Mona), Oliver Dórea e o duo Dois Detalhes, formado por Tiago Ramsés e Ananda Santana.

Localizado no Edifício Frutosdias, no número 50 da avenida Estados Unidos, está o mural batizado de Abraço Ancestral, concebido pela dupla Dois Detalhes. Do outro lado da rua, a criação do artista Anderson Santos retrata a vontade reprimida neste momento de reunir a família toda em um banho de mar. A obra Banhistas está na fachada do Edifício Guarabira, número 82, da avenida Estados Unidos. Mais adiante, no Edifício Joaquim Barreto de Araújo, no número 528, da mesma avenida Estados Unidos, está o mural intitulado de A Chave. A obra de arte é de Oliver Dórea, que confessou ter o sonho de fazer algo tão grandioso, desde o início de sua trajetória. O quarto trabalho desta edição é proposto pela artista Stella Bosini e está instalado no Edifício Serra da Raíz, na Rua da Grécia, número 8 e leva o título de As Guardiãs.

As obras se somam aos 10 murais realizados em 2016, na primeira edição do Projeto MURAL. Além das intervenções artísticas do recente projeto RUA – Roteiro Urbano de Arte, dos painéis nos galpões da Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba) e das belezas da diversidade de estilos arquitetônicos do bairro do Comércio, antigo centro financeiro de Salvador. Uma região portuária belíssima que foi palco do movimento muralista intenso ocorrido em Salvador na década de 1950 e 1960, por nomes como Carybé e Carlos Bastos, com obras que se encontram em perfeito estado até hoje em diversas edificações do bairro. Esta grande galeria de arte ao ar livre está à disposição da população, que também poderá conferir as obras dos artistas participantes do Projeto MURAL sem sair de casa, acessando o site www.projetomural.art.br e o Instagram do projeto.

O projeto MURAL é realização da Trevo Produções e tem curadoria do artista, professor e doutor em Artes Visuais pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Zé de Rocha e da jornalista e produtora cultural, Vanessa Vieira, também idealizadora do projeto. Nesta segunda edição, o projeto foi contemplado pelo Prêmio Anselmo Serrat de Linguagens Artísticas, da Fundação Gregório de Mattos, Prefeitura Municipal de Salvador, por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, com recursos oriundos da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal.

Siga-nos e curta nossas postagens:
20
Pin Share20

Rafael Veloso

Jornalista formado pelo Centro Universitário da Bahia - Estácio em 2009. É editor-chefe do site Rafael Veloso.com.br desde 2003. Atuou com produção de programas de TV e rádio, tem experiência com web jornalismo e há 11 anos trabalha com Assessoria de Comunicação Interna e Externa. E-mail: contato@rafaelveloso.com.br.