A sobrinha-neta querida

Foi um período difícil para a família de Astolfo Albuquerque, proprietário da mais antiga fabrica de cortinas da Bahia. Pai pouco dedicado, “Seu Astolfo”, como era conhecido só pensava em ganhar cada vez mais dinheiro. Aliás, esse era o seu único prazer na vida. Nem o casamento de 53 anos com D. Amália, nem o nascimento de seus cinco filhos – três homens e duas mulheres, nem mesmo o nascimento de seu primeiro bisneto, foram mais importante do que a conquista de sua fortuna.

Ler mais