Espetáculo retrata precariedade do atendimento na saúde pública

O espetáculo Vassoura atrás da porta ou quarto número nada estreia, nesta quarta-feira (dia 10), às 19h, no Café Teatro Zélia Gattai, no Largo do Pelourinho, em Salvador. A peça, que tem direção e dramaturgia de Tássio Ferreira, mostra de forma bem humorada o cotidiano de dois pacientes internados numa enfermaria de um hospital público.

O texto inspirado no universo do Teatro do Absurdo faz uma crítica forte ao funcionalismo público, principalmente a precariedade do atendimento na saúde. Dão vida aos pacientes P1 e P2, os atores Fernando Campos e Lucas Bertolucci. As atrizes Edivânia Lima e Mabelle Magalhães completam o elenco interpretando as enfermeiras do hospital.

Serviço:

Onde: Café Teatro Zélia Gattai – Fundação Casa de Jorge Amado, Largo do Pelourinho (Centro Histórico de Salvador)

Quando: quartas-feiras (dias 10, 17, 24 e 31 de março), às 19h

Quanto: Ingresso a R$ 10 (inteira) e R$5 (meia-entrada)

Rafael Veloso

Jornalista formado pelo Centro Universitário Estácio da Bahia - Estácio FIB em 2009. É editor do site Rafael Veloso.com.br desde 2003. Atuou em produção de programas de TV e rádio, tem experiência com web jornalismo e há 11 anos trabalha com Assessoria de Comunicação Interna e Externa. E-mail: contato@rafaelveloso.com.br.

One thought on “Espetáculo retrata precariedade do atendimento na saúde pública

  • 11/03/2010 em 14:26
    Permalink

    Impressionante como a SAÚDE PÚBLICA NO BRASIL deixa a desejar. Hospitais existem, médicos tbm, dinheiro não falta. Seria ingenuidade minha perguntar p/ onde vai tanto dinheiro que é destinado a saúde?
    Por certo existem mtas coisas acontecendo pelos hospitais a fora que não temos conhecimento. Precisamos botar a boca no trombone.

Fechado para comentários.