José Rufino expõe no Palácio da Aclamação

Foto: Divulgação

Na exposição Faustus, em cartaz no Palácio da Aclamação até o dia 28 deste mês, ossos moldados em gesso e peças de mobiliário antigo compõem a obra criada pelo artista plástico paraibano José Rufino. Inspirado nos desenhos renascentistas de Leonardo da Vinci, Rufino modelou os ossos e propôs a distribuição das peças nos salões do palácio, para revelar as próprias emoções e suscitar nos espectadores possíveis lembranças.

O nome da mostra foi inspirado no personagem Fausto, do escritor alemão Wolfgang von Goethe. “Faustus vem de uma língua morta. A escolha do nome da exposição também passou por isso, pelo movimento de tentar aproximar o meu trabalho desse sentimento de resgate do que já se foi”, explica o artista.

Serviço:

O quê: Exposição Faustus

Quando: Até 28/03

Local: Palácio da Aclamação (Avenida Sete de Setembro, 1330)

Horário: Terça a Sexta, 10h às 18h / Sábado e Domingo, 13h às 17h

Ingressos: Gratuito

Rafael Veloso

Jornalista formado pelo Centro Universitário Estácio da Bahia - Estácio FIB em 2009. É editor do site Rafael Veloso.com.br desde 2003. Atuou em produção de programas de TV e rádio, tem experiência com web jornalismo e há 11 anos trabalha com Assessoria de Comunicação Interna e Externa. E-mail: contato@rafaelveloso.com.br.