Palestra abre exposição fotográfica de Guido Boggiani (1861-1901) em Salvador

A palestra da especialista em crítica da arte Bahumila Araújo abre a exposição fotográfica Guido Boggiani y el Chaco: Uma Aventura del Siglo XIX (1861-1901), nesta sexta-feira (dia 9), às 15h, na Biblioteca Pública do Estado, nos Barris, em Salvador. No encontro será abordada a qualidade, o valor artístico e documental das fotografias do pintor e fotográfico italiano Guido Boggiani, que estarão em exposição no foyer da biblioteca até o próximo dia 16.

Na mostra, o público poderá ver as imagens captadas por Guido que, durante passagem pela América Latina, fez registros únicos dos povos indígenas da época. Ele foi morto em 1901 pelos índios da etnia Chamacocos, que viviam em Mato Grosso do Sul. Os índios o consideravam um bruxo e tinham receio de que seus espíritos fossem aprisionados nas fotografias tiradas por Boggiani. As fotos encontradas constituem um rico material histórico e de pesquisa etnográfica.

Serviço:

O quê: Aberta da exposição fotográfica Guido Boggiani y el Chaco: Uma Aventura del Siglo XIX (1861-1901) com palestra da especialista em crítica da arte Bahumila Araújo

Onde: Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Rua General Labatut, 27, Barris)

Quando: sexta-feira, dia 9, às 15h. A exposição poderá ser visitação de 9 a 16 de abril, das 8h30 às 21h.

Quanto: ingresso gratuito

Informações: (71) 3117-6041 / 6079

Rafael Veloso

Jornalista formado pelo Centro Universitário Estácio da Bahia - Estácio FIB em 2009. É editor do site Rafael Veloso.com.br desde 2003. Atuou em produção de programas de TV e rádio, tem experiência com web jornalismo e há 11 anos trabalha com Assessoria de Comunicação Interna e Externa. E-mail: contato@rafaelveloso.com.br.