Espetáculo O Encantado abre temporada de junho do TCA de Braços Abertos

O espetáculo O Encantado – Uma Saga Nordestina em Busca de Dom Sebastião abre temporada do mês de junho do TCA de Braços Abertos. Neste mês o projeto do Teatro Castro Alves (TCA) apresenta obras que se debruçam sobre as temáticas nordestinas. O Especial Nordestes, que homenageia o período de festejos juninos, começa nesta quarta-feira (dia 2/06), às 19h, com o espetáculo do Coletivo Canduras e Artes. A obra poderá ser assistida até o próximo domingo (dia 6), no canal do TCA no YouTube. O registro em vídeo foi feito na Sala do Coro do Teatro Castro Alves, em Salvador, com direção e edição de Edinilson Motta Pará, e direção de fotografia de Denilson Mota. A trilha sonoro do espetáculo é executada pelo músico Igor Reis com a atuação de Ricardo Stewart.

O Encantado – Uma Saga Nordestina em Busca de Dom Sebastião se baseia em fatos que marcaram o movimento Sebastianista. Com trilha sonora original, executada ao vivo, o ator Ricardo Stewart transita por personagens da cultura sertaneja. A trama acompanha momentos históricos ocorridos no século 19, em Pernambuco, onde líderes messiânicos pregavam vida próspera para o povo do Sertão. Nesses lugares, formavam-se comunidades com centenas de pessoas que seguiam os beatos e suas pregações de que o rei português Dom Sebastião (morto no século 16 em batalha contra os mouros) ressuscitaria ali, trazendo riqueza e prosperidade para os pobres e necessitados.

Assim, nasceria um reino encantado, liderado pelo monarca, revivendo a lenda lusitana sobre o rei que restauraria a soberania do Império Português, para livrar o povo das mazelas, distribuir riqueza e terras, enriquecer os pobres e libertar as pessoas negras da escravidão. Dom Sebastião foi um Rei português, morto em 1578, aos 24 anos, ao se lançar numa Cruzada, rumo ao Marrocos, na tentativa de converter mouros em cristãos. Ele despareceu na Batalha de Alcácer-Quibir, e o seu corpo nunca fora encontrado.

A dramaturgia do espetáculo se constrói a partir de informações coletadas, principalmente, na obra Memória sobre o Reino Encantado na Comarca de Villa Bella, de Antonio Ático de Sousa Leite; primeiro registro escrito sobre os acontecimentos da Pedra Bonita. E também colhe material nas citações de outras obras da literatura brasileira, como O Reino Encantado: Crônicas Sebastianistas, de Tristão de Alencar Araripe Jr.; Romance d’A Pedra do Reino e o Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta, de Ariano Suassuna; Pedra Bonita, de José Lins do Rego, além de relatos de historiadores e artigos de pesquisadores.

Criado em 2013 pelo diretor de teatro Edinilson Motta Pará e pela atriz, escritora e arte-educadora Cilene Canda, o Coletivo Canduras e Artes nasceu parar criar um espaço do fazer artístico, através de montagens teatrais, espetáculos de contação de estórias, cursos e workshops.

Próximos espetáculos do TCA de Braços Abertos em junho

Nesta sexta-feita (dia 4), o espetáculo Golpes no Ventre, solo de Jane Santa Cruz, com texto e direção de Fernando Santana, integra a programação do mês de junho no TCA de Braços Abertos, mas não compõe o Especial Nordestes. Na quarta-feira (dia 9), ainda na temporada de junho do TCA de Braços Abertos, será apresentado o documentário A Construção da Travessia. O registro audiovisual, que aborda o processo de montagem do espetáculo A Travessia do Grão Profundo, com texto e direção de Paulo Atto, ficará disponível no YouTube do TCA.

Lançado em 2020, o TCA de Braços Abertos é uma janela oferecida pelo Teatro Castro Alves para exibição de iniciativas culturais em seu canal de YouTube, assim como ocorria na ocupação dos palcos do Complexo antes da pandemia. O projeto TCA de Braços Abertos teve apoio financeiro do Estado da Bahia, através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia), via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo/Governo Federal. 

Serviço:

O quê: Projeto TCA de Braços Abertos” apresenta o espetáculo O Encantado – Uma Saga Nordestina em Busca de Dom Sebastião

Quando: quarta-feira (dia 2/06), às 19h

Onde: Exibição no canal do Teatro Castro Alves no YouTube

Classificação: 14 anos

Rafael Veloso

Jornalista formado pelo Centro Universitário Estácio da Bahia - Estácio FIB em 2009. É editor do site Rafael Veloso.com.br desde 2003. Atuou em produção de programas de TV e rádio, tem experiência com web jornalismo e há 11 anos trabalha com Assessoria de Comunicação Interna e Externa. E-mail: contato@rafaelveloso.com.br.